domingo, 3 de maio de 2015

Respeito e dedicação

Por respeito e dedicação. È isto que se exige aos Jogadores Azuis e Brancos que mais logo irão entrar em campo para medir forças com os Sadinos que lutam pela manutenção no escalão maior do futebol Português. E isto independentemente do facto de o Campeonato estar ou não já entregue aos rivais da Luz. Há uma mística Azul e Branca que deve ser respeitada até ao último suspiro da actual época.
 
Contudo a tarefa não vai ser fácil. Primeiro porque há que “abanar” com a “tropa” Azul e Branca que saiu do relvado da Luz conformado com o empate e depois porque os Setubalenses estão numa luta acesa pela manutenção e precisam de pontos como de pão para a boca para evitar uma de desastrosa descida à Segunda Liga. A juntar a tudo isto há o facto de o Sporting CP ter vencido o seu jogo e estar agora mais próximo do segundo lugar que é pertença do FC Porto… E há ainda que dizer que o SL Benfica também venceu o seu encontro!
 
Como se pode ver estão presentes todos os condimentos que tornam esta visita dos Azuis e Brancos ao Sado numa partida de elevada pressão. 
 
Bruno Ribeiro. Técnico dos Sadinos pode não ser o Treinador que “montou” o actual Setúbal mas sempre que foi chamado para resolver os problemas dos Tubarões do Sado tem tido um enorme sucesso e consegue sempre salvar os Setubalenses da descida. Desta vez a tarefa de Bruno está mais dificultada porque a qualidade do Plantel á sua disposição é muito baixa (apenas o Guardião Germânico Lukas Raeder se destaca um pouco dos seus colegas), mas de certeza que o Setúbal irá dar tudo o que tem e não tem para pelo menos conseguir impor um empate ao Futebol Clube do Porto e aproveitar desta forma a pesada derrota do Gil vicente nesta jornada da Liga NOS.
 
Olhando agora para os convocados de Julen Lopetegui para esta partida, a chamada do guarda-redes Espanhol Andrés Fernández, ausente das convocatórias desde a partida com o Marítimo, para a meia-final da Taça da Liga, é a novidade da lista de 18 convocados do FC Porto para esta deslocação ao terreno do Vitória de Setúbal (19h15), a contar para a 31.ª jornada da Liga NOS. Em sentido inverso, e em comparação com os atletas chamados pelo Técnico Espanhol para a deslocação a Lisboa, na jornada anterior, saem dos eleitos o guarda-redes Fabiano e o defesa Danilo.
 
Lista de 18 convocados: Helton e Andrés Fernández (guarda-redes); Martins Indi, Maicon, Marcano, Casemiro, Quaresma, Brahimi, Jackson Martínez, Quintero, Evandro, Herrera, Hernâni, Ricardo, Alex Sandro, Óliver Torres, Rúben Neves e Aboubakar.
 
Onjze provável (4x3x3); Helton, Danilo, Maicion, Indi, Alex Sandro, casemiro, Herrera, Óliver Torres, Hernâni, Brahimi e Jackson.

3 comentários:

Anónimo disse...

RUI VITÓRIA OU SÉRGIO CONCEIÇÃO PARA TREINADOR DO NOSSO PORTO, QUE ACHAM?

Anónimo disse...

Porque não te candidatas a presidente do F.C.Porto? então escolhes o treinador á tua maneira. Já temos quem nos azucrine a cabeça e vens dar palpites para treinadores. Eu estou é mais preocupado em entregarem dragões de honra a quem não tem nada a ver nem fizeram algo pelo clube, em incutirem-nos para "ficarmos" orgulhosos por vendermos jogadores por muito dinheiro como se de uma competição se tratasse. Portanto resumindo eu não acho nada.

Joao Cravo disse...

Passei a época a tentar descobrir qualidades de liderança no Júlio. Falhei a tentativa, mas talvez isso signifique apenas que chegou a hora de mudar de lentes.
De qualquer modo, concordo que é inútil trocar de treinador. Na falta de um projeto, qualquer "líder" serve. E teremos sempre um Capela para justificar os insucessos que são a consequência lógica da falta de um projeto desportivo.